Por que você deveria contratar uma proteção de carro hoje mesmo?

A Evolução da Proteção Veicular

Muitos fatores devem ser levados em consideração na hora de se decidir pela contratação de uma proteção de carro. Pelo cenário no Brasil, é fácil concluir que isso deve ser feito hoje ainda, para evitar dores de cabeça grandes. Afinal, o perigo pode vir de várias direções.

Em 2016, no mais recente Relatório da Frota Circulante, elaborado pelo Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores, constatou-se que a frota nacional tem envelhecido. O número de unidades cresceu pouco de um ano para o outro, assim como a renovação. As autorizadas e oficinas que ganham, vendo seus atendimentos de manutenção crescerem.

Em paralelo, o mesmo relatório indica que há quase 43 milhões de veículos circulando, entre carros particulares e comerciais, caminhões e ônibus, além de 13,49 milhões de motos. Com um número de um veículo para cada quatro habitantes, o volume de acidentes cresce. Em Curitiba, capital que lidera esse ranking, a média chega a um carro para 1,8 habitante.

Outro dado preocupante é o número de furtos e roubos no país. Segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, foram registrados 557 mil em 2016, média superior a uma ocorrência por minuto. É deixar o carro estacionado na rua e ficar preocupado, pensando se algo vai acontecer a ele. E é importante lembrar que o mesmo carro que proporciona um momento de lazer num fim de semana é o que te levará a um compromisso de trabalho na segunda-feira. A falta dele pode causar mais problemas do que se imagina.

Seja a causa um sinistro causado por um criminoso, pela natureza ou por um acidente, é fundamental evitar grandes chateações e prejuízos tendo uma proteção de carro. Afinal, você também pode se distrair e causar uma colisão. É importante garantir a sua segurança e a de terceiros. Faça uma cotação com a Cooperlink e fique tranquilo, o seu veículo estará bem cuidado. Basta um minuto! Clique aqui

 

Voltar